Conheça melhor – Sigmund Freud

01

Diante de uma situação que aparentemente não tem justificativa, muitas pessoas preferem deixar no ar a famosa frase “só Freud explica”. Mas, além de sabe que Freud é capaz de desvendar os motivos que levam as pessoas a tomar determinadas atitudes, você sabe quem realmente foi Freud? No Pátio conta mais sobre a vida e o trabalho desse nome tão importante para a psicanálise.

O médico especializado em neurologia nasceu em 6 de Maio de 1856, em Pribor. Com o nome Sigismund Schlomo Freud mas ficou mais conhecido por Sigmund Freud, uma abreviatura que o próprio médico criou. Oriundo de uma família judia, mudou-se para Viena quando tinha 4 anos de idade e permaneceu no local até 1938.  O medo dos manifestos nazistas levou Freud a procurar refugio na Inglaterra.

Aluno de destaque mas sem grandes opções de cursos na faculdade, por ser judeu, optou por medicina porque era uma das graduações oferecidas a ele. A utilização da hipnose foi um de seus primeiros estudos e era aplicada como tratamento a pacientes com histeria. Depois de um período de observação, levantou a hipótese de que a causa da doença era, na verdade, psicológica e não física ou orgânica. Desde então outras teorias foram criadas, como a do inconsciente, mecanismo de defesa e repressão psicológica.

O médico mais conhecido de todos os tempos é responsável por grandes revoluções no pensamento da humanidade durante o século XX, e essa transformações de ideias permanecem até hoje. Grande pesquisador também dos efeitos dos instintos sexuais e da libido, Freud defendia a teoria de que o desejo sexual era a motivação primária da vida humana, com uma energia motivacional.

E as descobertas revolucionárias não param por ai.  Freud aprofundou-se nas pesquisas sobre a interpretação de sonhos e a livre associação, que se relacionam aos desejos inconscientes.  Surgiu, então, uma de suas obras mais conhecidas “A Interpretação dos Sonhos”, em que o psicanalista explica seus argumentos para a teoria. No livro, Freud relata a existência do pré-consciente, do consciente  e do inconsciente. Sigmund Freud dizia que as pessoas experimentam sensações ou tem recordações dolorosas e não conseguem externá-las, muitas vezes, passando assim as informações e sentimentos ao inconsciente.

Em 1886, Freud casa-se com Martha Berneys, em Hamburgo. Juntos tiveram seis filhos. Um deles, Matin Freud, foi o autor do livro “Freud: Homem e Pai”, em que relatava como o psicanalista era um profissional empenhado e trabalhava horas seguidas, mas nunca deixou da lado a função de pai que, adorava ficar com os filhos durante as férias de verão. Anna Freud, a filha caçula, nascida em 1895, foi discípula do pai e psicanalista de destaque.

Os talentos na família de Freud não ficam apenas nos filhos. Os netos e bisnetos também foram nomes de sucesso. O pintor Lucian Freud, o escritor e ator Clement Freud são os netos e a jornalista Emma Freud, o relações públicas Matthew Freud e a desenhista em moda Bella Freud os bisnetos, todos deram continuidade ao nome da família.

Aos 83 anos de idade,  Freud morre em decorrência de cancro na mandíbula, após passar por trinta e três cirurgias. Quer saber mais sobra o trabalho do maior psicanalista dos todos os tempos? Que tal ler A Interpretação dos Sonhos ou O Ego e o Id.

 

 

Onde encontrar:

Livraria Siciliano

Avenida Santos Dumont, 3131 – Aldeota

Telefone (85) 3456-3005

Livraria Cultura

Av. Dom Luís, 1010 – Aldeota

Telefone: (85) 4008-0800

1 comentário Conheça melhor – Sigmund Freud

  1. Rosangela Ferraz disse:

    Quero entender entender e lê sobre a vida de Freude,

 
.

Comente